30Mar2015

A BANQUETEIRA PELO MUNDO

Postado por: Waister Nunes

VIVA PARIS
Agora é hora de dizer até logo a Romântica Paris. Que mesmo sem romancear guarda seus encantos e desejos.
Estou certa  que ainda terei que voltar muitas vezes para realmente conhecer mais alguns de seus mistérios à vista de quem quiser encontrar. Cada um com seu olhar. Ao entrar na ruela charmosa descobrimos sem querer e por querer um detalhe mais pitoresco e um cantinho mais romântico e gastronômico do que o outro. Charmosos brechós de roupas vintage que nada perdem para as grandes marcas. Detalhadas boullangeries que perfumam as ruas com seus pães  frescos à todo o tempo nos obriga a degustar os melhores croissants, os melhores  macarrons, os melhores pães  de chocolate e os mais fresquinhos crémes brulés. Experimentamos a gastronomia  e suas variações  nos charmosos bistrôs sonorizados por músicas  clássicas.  Saímos dos locais óbvios e fizemos descobertas inusitadas. No menu sempre com entrada, prato principal e sobremesa acompanhados de um bom vinho.

Paris merece ser vivida no outono, inverno, primavera e verão! Há muito pra ver e fazer. Os olhos e a alma agradecem.
Seis dias muito intensos onde fizemos de tudo um pouco e ainda ficou um bocado de coisas pra fazer.

A tão cliché  e tão  encantadora Torre Eiffel nos faz ficar bobos diante da sua imponência, encanto e grandiosidade.
Caminhamos infinitamente  pelos jardins, igrejas, pontes, parques, ao longo rio sena, avenidas luxuosas  como Champs-Elysées, Catedral dearco do Triunfo, Louvre, Pompidou, o exuberante Castelo de Versailles (terei que fazer um capítulo  só  pra ele e os jardins de Maria Antonieta), Catedral de Notre Dame e seus magníficos vitrais e a concorrida Galeria Lafayette, uma grande loja de departamento com todas as grandes marcas pra deixar qualquer perua se sentindo no céu. Se bem que com o euro lá  em cima fui mais comedida do que nunca.
E por fim a Escola Le Cordon Bleu  que para a "cozinheira" aqui é a Disney.

Comentários